VIA DOLOROSA


















É um calvário a vida a fazer rima,
Como são a tristeza dos meus pensamentos:
Escalar montanhas, ânsia que m'anima...
Est'ardor m'impele a grandes sofrimentos.

Esta ânsia, nad'existe qu'a exprima!
Eu fico quebrantado a cada momento,
Mas peço a Deu para chegar lá em cima,
Ond'a dor termina e cessa o tormento!

Mas... pra lá chegar, é preciso que eu carpa,
Soluce, gema, ensanguent'a escarpa...
Ver o Horizonte onde meus olhos ponho.

E... querer subir, levando sobr'os ombros
Este sofrimento, gemidos e... assombros,
É Cruz mais pesada e negra no meu sonho!

Modesto

Comentários

Mensagens populares deste blogue

NASCESTE, FILIPA !

A VIDA TEM OUTRO SABOR

SALVEMOS O PLANETA