Follow by Email

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

TOMAR A CRUZ DIA APÓS DIA

















O amor da Cruz do Senhor me atrai!
Que não seja um fogo inútil,
Mas um incêndio que consumir vai
Todo o mal que me pode tornar fútil!

Senhor Jesus, Meu Amor Crucificado,
Adoro-te em todas as Tuas penas!
Faz meu coração ao Teu igualado
Qu' as cruzes do meu corpo serão serenas.

Prometo pôr em Ti a minh'alegria,
Seguir o Tesouro qu'é a Tua Cruz:
No sofrimento do meu di'a dia,
Eu quero sofrer por Ti, meu bom Jesus.

'Stou convencido que me queres pra Ti,
P'lo caminho da cruz que m'ofereceste.
Desejo avançar por ele aqui,
Merecer a salvação que prometeste.

Isto traz-me grande paz interior:
Aceitar o sacrifício da cruz.
Dá-me coragem pra m'ofer'cer, Senhor,
Na minha pessoa com vida de luz.

Dá-me força e toda a paciência,
Para que eu saia do meu egoísmo:
Leve aos outros amor e consciência,
Para sermos bons até ao heroísmo!

Modesto

2 comentários:

  1. Dói muito...não poder mitigar o sofrimento - mesmo sendo redentor - que está a minar o seu corpo...e que dá força, alento, fé e esperaça à sua alma...permitindo-lhe o privilégio de se irmanar com Cristo, na aceitação da cruz como certeza da pleitude da companhia do Pai!!! Já que não posso ser Cireneu...quisera ser Verónica...guardaria religiosamente o suor e o sangue da sua dor!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh! Minha grande Amiga: Ver-se na figura de Cireneu,ainda mostrava um pouco do seu altruísmo, que eu sei ser forte e sincero. Agora ser Verónica?! Ficava com uma imagem tão desfigurada que fugiria de medo! A beleza da juventude a velhice já ma roubou e, com muito maior crime, a da infância. E... agora, com od olhos vermelhos, que mais parecem brasas incandecentes!... Sempre que sou intervencionado ao meu olho esquerdo, logo a seguir, vem uma infecção que nem as injecções, agora, querem fazer desaparecer. Mas isto já está muito melhor e, dentro de dias... desaparece! Obrigado, Raiana, pelo seu entusiasmo e pelo seu bem querer.

      Eliminar