quinta-feira, 27 de março de 2014

GOSTO DOS PASSARINHOS


















Cada vez gosto mais dos passarinhos,
Qu' alegres, me contam o seu segredo...
Voam descansados pelos caminhos,
Cantam, à minha janela, bem cedo!

E vivem no meio do arvoredo,
Onde suavemente fazem ninho...
Até de os acordar tenho medo:
Vejo criar os filhos com carinho!

Mostram o seu amor sem pedir nada.
Tudo o qu' eu lhes dou é cois' amada,
Dádiva qu' é muito empobrecida!

E sofro por eles com desmedida,
Pois eles me dizem muito na vida
E de mim só querem amor, mais nada!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

SONETO BEM CRIADO

Nestas linhas mal traçadas, Há um soneto partido E mágoas anunciadas: Ouve-se long' o gemido. Nas linhas, há al...