sábado, 26 de maio de 2012

ESCRITO NAS ESTRELAS


















As estrelas escreveram nosso amor
Em florinhas de contraste amarelo,
O céu continha contraste bicolor
A registar tudo o que há de mais belo.

Nosso amor uma 'strela registou,
Em cascata salpicada de alvéolos.
O céu azul nosso destino traçou:
Que um dia andaremos de chinelos...

Sobre a relva andámos com ardor,
Felizes, mantivemos nosso frescor,
Entrelaçados, formámos nossos elos.

Astros testemunharam nossos gracejos,
Aplaudindo nosso amor, nossos beijos...
Felicidade sem disfarce... Anelos!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

AS FRAQUEZAS DA VIDA

Eu não sei se há algum fundamento Andar com a vida sem sintonia. A esperança levou-a o vento... Pois tudo tem que aca...