Follow by Email

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

DO CRENTE PARA O NÃO CRENTE
























Confessa teu pecado e teu louvor
A Deus, Qu' a inquietude te acalma.
O homem deve ter por Ele amor:
Íntimo habitante da tua alma.

O Deus em quem tuas ideias não 'stão
Nem habitam, sendo elas a tua luz,
Ao Criador das coisas se dá razão,
Mostrando a verdade que te conduz.

Imagens que há em ti das três Pessoas:
Pai, Filho e Amor em que tu ressoas:
Memória, intelecto e vontade.

O Oculto faz a humana história
Na Sua luta plo bem até à glória,
Qual voz que te convida à caridade!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário