terça-feira, 29 de novembro de 2016

APRENDER A VIVER



















Não é na solidão, mas na escola
Fraterna, qu' o saber se alimenta.
Imerso no sossego, ele consola,
Contrário à vida barulhenta.

Número é princípio real,
É dele que vem a realidade
Do ser. Não se limit' ao corporal...
É cunho matemático - verdade!

Liberta a alma por "metempsicose",
Purifica a vida pela "gnose",
Culpa original é expiada.

Não se compar' à vida a correr,
Mas sim a contemplar o seu viver
Recto, consagrado à vid' amada.

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

O CÉPTICO TAMBÉM PENSA...

Deus há muito desceu no Ocidente, Lá, por trás dos montes de rosa tingidos... Vejo o mundo que ante mim s' estende ...