AMAR A SÉRIO























Quem quer um grande amor tem que doar-se,
Abrir-se, mostrar o seu interior.
Sem iludir, sentimento de disfarce...
- O rosto brilha quando nasce o amor!

Amor é cais que vive a preocupar-se,
É lua, farol, apogeu de fulgor.
E não se rompe, por mais que se esgarce,
É sem costuras, sem o talo da flor.

Ele está em todos, feito contágio.
Quem tem, oferece sem dar o preço,
Pois, maior que o valor, é o apreço!

É imensamente forte, por ser frágil
Tem asas pra voar a alguém distante,
Vida eterna, mesmo em vão instante!

Modesto


Comentários

Mensagens populares deste blogue

NASCESTE, FILIPA !

A VIDA TEM OUTRO SABOR

SALVEMOS O PLANETA