Follow by Email

segunda-feira, 2 de março de 2015

SÓ O TEMPO DARÁ RESPOSTAS



Parado. De pé. Sentado. Genuflexo,
Encontro a vida, rezando o rosário!
Vejo, no chão, o meu pobre reflexo,
Perdido na vida, com' um solitário!

Eu, como filho pródigo, desespero
Ao pensar naquele passado lascivo!
Vejo, no chão, um jovem triste, perverso
A pensar naquele grande sonho 'squivo!

Oh! Dúvidas! Ai, quantas inseguranças!
Vida vazia enquanto se espera...
Oh! Dúvidas! Ai, quantas desesperanças!

Do qu' eu queria ser, o que aconteceu?
Reviver aquela triste primavera?
O tempo! Só o tempo me respondeu!

Modesto


Sem comentários:

Enviar um comentário