domingo, 26 de março de 2017

DE ONDE VIMOS



















Ao longo da nossa trajectória,
Pergunta que todos nós fazemos
E da qual não há escapatória,
É saber de onde nós viemos.

Na nossa passagem transitória,
Pelo corpo físico que temos,
Uma resposta satisfatória
É somente o que nós queremos.

Saídos das Mãos da Divindade,
Revestidos d' imortalidade,
Espíritos em evolução.

Viemos da Santa Claridade
Desenvolver a capacidade
Par' atingirmos a perfeição.

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

POEMA MODERNO

Sou um apaixonado da palavra E da estética do lugar. Expresso os meus pensamentos, Logo que os meus olhos falam E o...