quinta-feira, 2 de março de 2017

CÉREBRO E CONSCIÊNCIA















O usar o cérebro com frequência
Não devia ser difícil fazer,
Moderadamente, eficiência,
Arriscando-se a se conhecer.

Assim, treinando mais a excelência,
Pondo a vida sempre a ferver,
Terá o máximo de consciência,
Descobrirá ter um grande poder.

Depois, nunca mais um inoportuno,
Um impertinente, mas bom aluno
Vem a mais uma nova ensinança.

Deve exercer uma determinada
Consciência, será aumentada...
Pois é essa a sua esperança.

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

SONETO BEM CRIADO

Nestas linhas mal traçadas, Há um soneto partido E mágoas anunciadas: Ouve-se long' o gemido. Nas linhas, há al...