Follow by Email

terça-feira, 15 de outubro de 2013

PORQUE HÁ LOUCURA NO AMOR






















Minha saudade é sempre passageira,
Mesmo que leve meu coração sangrante.
Com uma palavra amiga, companheira,
Meu coração sara em breve instante.

'Inda que eu sofra, chore, ria ou cante,
Já que a loucura é uma fogueira,
Exalta-me a música incessante
E fico em paz na lágrima primeira.

Mesmo que me desfaça em melodia,
Me alucine com risos de meninos
E me procure para não me encontrar,

Deixa-m'esfregar nas corolas e ria!
Nas madrugadas, me desfaça em pinos
 E me perca no céu para te amar!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário