quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

QUERO SER CENTELHA SONHADORA












Quero ser o hoje, o amanhã, o sempre,
Borbulhando na tua alma como o tempo.
Mas eu sou uma pequena essência volátil
Da viagem neste mudo tão grande!....
Quero ser sonhador,
Chegar às estrelas,
Dançar sobra as nuvens,
Agarra-las e brincar no meio delas...
Chamar-me-ão louco!
Mas, neste mundo real só há cinza...
Quero viver de memórias,
Atemporal,
Versátil...
Viver as minhas histórias!
Quero ser uma palavra
Em milhares de bocas,
Um sentimento em almas sinceras
E que se interesse pelo mundo deveras!
Quero estar no canto do fundo da vida frágil,
Onde os sorrisos são o ar da alma,
Onde mora o império da calma,
Vivendo nos legados do amor.
Quero ser uma paisagem eterna,
Como uma centelha mágica de paz e amor,
Com coragem inata prá vida fraterna...
Quero ser teu hoje, amanhã e sempre,
Aqui, na realidade dos sonhos.
Eu vivo contigo,
Na tua alma,
Nos teus sonhos...
Na minha alma... Sempre!

 Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

ORIENTA-ME, ESTRELA DA MANHÃ !

Eu te procuro, doce estrela a manhã Que no lusco-fusco d' aurora 'stá desperta, Por vezes, no meio de nuvens c...