Follow by Email

quarta-feira, 11 de abril de 2012

ESPERANÇA E FÉ

















Dizes: O meu caminho é muito duro,
Pesa-me aos ombros minha grande cruz...
Caminho pela vida, mas inseguro,
Não consigo ver nem o Bem nem a Luz!

Eu olho e penso: Eu sou diferente!
Vejo cargas que posso aliviar,
Atravesso a vida como penitente,
Procuro uma vida d'amor, levar...

Tudo depende da forma de lidar
Com a vida, como queremos seguir,
Sem lamentos... Pois é tempo de mudar
E tempo do nosso viver corrigir.

Mesmo se é duro o teu existir,
Sê positivo e tudo vai mudar.
Procura, na tua vida, dividir...
Com esperança e fé: Vais superar!

Modesto

1 comentário:

  1. Que bem me fez, Modesto, este raio de luz e de esperança expresso no seu maravilhoso poema, que eu considero de intervenção pedagógica!!!
    Obrigada...sempre!

    ResponderEliminar