segunda-feira, 30 de abril de 2012

EM CADA AMANHECER...

















Descubro novas forma de prazer:
Ponho os sentidos em liberdade,
Extasio-me no sol a nascer,
Como fosse minha propriedade.

Encontro nova forma de amar
Que se inicia em cada dia:
Aurora boreal vem-me chamar
E vivo horizontes de magia!

O prenúncio da luz da manhã
Mostra-m'o tempo d'ontem e d'hoje,
Conhece onde minha ânsia 'está
E contrasta com a vida que foge!

A felicidade leva-m'ao céu
E traz-me de novo ao mundo vivo,
Sabe como o meu sonho viveu
E deixa-me feliz por estar vivo!


Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

VENDO-NOS AO ESPELHO

O espelho não me diz que envelheço, Enquanto andar junto da mocidade. Mas as rugas vêem meu rosto impresso... J...