terça-feira, 26 de julho de 2016

SÓ EM NOITES DE LUA CHEIA

























Eu marco os meus encontros
Em noites de lua cheia,
Pra que dos meus desencontros
A manhã não fique feia.

Os sonhos 'stão sempre prontos
E fazem as tardes cheias.
Mas retraço os encontros
Um pouco antes das ceias.

Nem pergunto nem respondo
Onde está ou se vem pronto.
Nem se meu amor tem fome...

Gosto do entardecer,
Ver a aurora nascer
Da paixão que me consome.

Modesto.

Sem comentários:

Enviar um comentário

DIA PARA VIVER

Hoje o amanhecer me sorri: Eu sinto toda a força do mundo, Recordo coisas boas que vivi, Sinto-me leve - bem estar prof...