Follow by Email

terça-feira, 5 de julho de 2016

QUERO QUE TENHAS ALEGRIA DE VIVER

























É pesado o fardo de não t' encontrar
Sorrindo como uma flor encantada.
O meu sonho é andar-te a procurar
Num dia de sonho doce na alvorada.

Queria que fosses a rosa perfumada
No mistério do amor no meu pomar.
Mas vejo sempre a lágrima misturada
Com o fluir da vontade de te amar.

O meu coração é câmara de amor,
Tu és a rosa amada cheia de cor
Qu' eu t' of'reço plo amor em chama e grito.

Ofereço-t' um jardim cheio de ternura
E tu vives com o sabor da amargura...
Tu já não vês no meu amor o infinito?

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário