Follow by Email

sábado, 17 de junho de 2017

PINTANDO MEUS PENSAMENTOS


















Perdoa por te ter amado tanto,
A ponto de perder-me na paixão.
Perdoa ter padecido o quanto
Mereceu padecer meu coração.

Perdoa-me, ao menos, por enquanto
Em mim pereça esta ilusão
De morrer docemente plo encanto
De viver amando no teu perdão.

Perdoa se te amo tão loucamente,
Com tanto amor, tão perdidamente,
Contente em desfazer o que não fiz.

Perdoa-me, então, eternamente
Pelo sonho qu' a vida te consente...
E deixa-me dizer que sou feliz!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário