terça-feira, 6 de junho de 2017

NASCI AO PÉ DOS MONTES

















Eu nasci ao pé dos montes
E do Douro a cantar
A canção das frescas fontes,
Ond' aprendi a rimar.

Eu sei a língua das fontes,
Falo com águas do mar...
Lá, vi belos horizontes,
Nesta terra singular.

Senti-m' irmão dessas águas,
Entendo bem suas mágoas,
Compreendo seus segredos.

Gosto do rochedo mudo,
Conheço lá quase tudo,
Sinto-m' irmão dos penedos.

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

ORIENTA-ME, ESTRELA DA MANHÃ !

Eu te procuro, doce estrela a manhã Que no lusco-fusco d' aurora 'stá desperta, Por vezes, no meio de nuvens c...