Follow by Email

sexta-feira, 11 de abril de 2014

AMAR























Amar é viver sorrindo
Nos confins do pensamento
E, nesse horizonte lindo,
Ir-se ao sabor do vento.

Ser sabor da brisa ardente
Na presença da amada
E dar-se completamente,
Sempre... até à madrugada.

Continuar este amor,
Apaixonados, constantes.
E cada dia propor
Prá manhã, mais do que antes.

Enlaçar as suas vidas
Com almas e corações.
Degustar vidas sofridas...
Saborear atenções.

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário