quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

AMOR E POESIA

















AMOR, Perfeito, Divino!
É dimensão sem medida,
É passeio sem destino,
É a música da vida!

Amor, estrada sem fim!
É não ter que perdoar,
É dizer não, dizer sim,
É tud'o que tem, doar!

Perante a razão se cala,
É ter dor e não sentir,
Mas , no silêncio, fala...
E faz o mundo sorrir!

É sopro de nostalgia,
Canção leve e suave...
É da noite fazer dia,
Saber o qu'o outro sabe!

É melhor que sentimento!
É sussurro de magia...
É da alma alimento,
AMOR feito poesia!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

AOS RAIOS DO LUAR

Nos belos raios do luar, floria Rosa ideal, resplendor d' Halade! Erravam fluídos de harmonia Pela etérea, branca cla...