quinta-feira, 21 de agosto de 2014

FICOU APENAS A SAUDADE

















Voou junto às nuvens do Ocidente
O melhor qu' eu tinha: Minhas ilusões!
Vi uma 'strela trémula e dormente
Dourá-las como últimos clarões!

Lá longe, fugiam afoitadamente,
Da minha juventude, aspirações
Que iam entre nuvens tristemente...
Olhando-as, partiam-s' os corações!

Foram-se as musas, duendes risonhos,
Todos... até a Vénus foi lacrimosa...
Voaram na deserta imensidade!

No Ocaso, o sol levou os meus sonhos!
Comigo, apenas ficou a vaidosa,
Muito tristonha e chorosa saudade!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

ORIENTA-ME, ESTRELA DA MANHÃ !

Eu te procuro, doce estrela a manhã Que no lusco-fusco d' aurora 'stá desperta, Por vezes, no meio de nuvens c...