Follow by Email

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

MISTURA DO AMANHECER





















Fogem as nuvens do céu estrelado,
Invade-me a vontade de gritar!
O sol ainda 'stá longe... calado,
A admirar o seu lindo luar!

A fada desperta do sono encantado,
Com a harpa de sonho a tocar.
O sol, dormindo, sonha deleitado,
Sentindo, ao longe, um novo acordar.

Surge um novo céu a despertar.
Foi-se a noite fica a madrugada,
O sol 'inda continua a sonhar
Com estrelas e a lua, sua amada!

Ouve-se ao longe um galo cantar,
Anuncia o nascer do novo dia.
A lua vai-se embora a chorar...
Mas desperta o sol com alegria.

A lua adormece, por fim,
Mas o sol nada leva a mal.
Pois ama a lua tanto assim
Qu'a encontra em sonhas de Natal!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário