Follow by Email

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

O SONETO NÃO ACABA MAIS


















Os críticos repudiam o soneto!
Dão outras formas às suas produções:
Chamam-te arcaico, dizem-te obsoleto,
Mas Horácio chama-t' Arte, Pisões.

Mas tu não morrerás: És o esqueleto
Da ideia que resiste às construções.
O pensamento vive em ti completo,
De Ronsard, de Petrarca, ou de Camões.

Disse Boileau que vales todo um poema!
Dentro de ti, como que num cofre, coube,
Chave d' ouro, a inspiração de Arvers,

O poeta qu' em quatorze versos soube,
Na arte da tua síntese suprema,
Eternizar o amor duma mulher!

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário