domingo, 16 de agosto de 2015

MASCESTE UMA FLOR

   



















Tivesses tu nascido uma flor,
Serias como as flores do campo.
Tivesses tu nascido uma flor
No nosso jardim; Que encanto!

Eras canção d' amor a fluir
Alegria, sorrisos de amor:
Eu cantava e tu ias sorrir,
Sentirias amor encantador.

Sempre me inspiras a poesia
E ela me inspira o amor.
A vida um doce sonho seria,
Se tivesses nascido uma flor!

E tu nasceste mesmo uma flor
Do campo, inebriante, fecundo...
Juntos, na família. com amor
Fizemos 'inda mais belo o mundo!

Modesto



Sem comentários:

Enviar um comentário

GOSTO DE COISAS SINGELAS

Gosto de coisas singelas: Arco-íris, suas cores, Bris' a bater nas janelas E dum ramo de flores. E da chu...