SÊ CLEMENTE

Vem cá, minha beleza deliciosa,
Deixa-me perturbado o teu andar.
Sinto o coração suspirar, minha rosa,
Extasiados suspiros por t'amar.

Vê-me, soberana voluntariosa,
Atrai-me a luz do teu belo olhar.
Quero descobrir, lindo botão de rosa,
As fantasias que me fazes sonhar.

Mostra-me, professora afectuosa,
A cor da realidade imperiosa,
Para eu conhecer a minha essência!

Meus sonhos e visões são orlas dos céus,
'Stão alucinados os sentidos meus...
Agarra minhas ilusões, por clemência!

Modesto

Comentários

Mensagens populares deste blogue

NASCESTE, FILIPA !

A VIDA TEM OUTRO SABOR

SALVEMOS O PLANETA