quarta-feira, 24 de abril de 2013

TEMPOS QUE NÃO ESQUECEREI

























Há encanto neste doce sentimento.
Nele encontro anseio do meu viver.
Um amor que resiste tanto tempo...
Porque só tu me consegues entender.

Sobrevivo pela tua atenção,
Desespero procurando teu olhar.
Tu estás presente no meu coração
Que vai batendo só para te amar.

Eu amo-te com a minha saudade
Que vive de manhã ao anoitecer.
A toda a hora há esta ansiedade
Que te busca a cada amanhecer.

Tu ensinaste-me o que é amar
E eu deixei que fosses o meu abrigo.
Há sempre momentos para guardar,
Momentos lindos quando estou contigo.

Reacende na minh'alma a emoção
Dos tempos belos que contigo vivi,
Lembra-me o bater do meu coração,
Naqueles tempos que nunca esqueci.

Modesto

Sem comentários:

Enviar um comentário

O CÉPTICO TAMBÉM PENSA...

Deus há muito desceu no Ocidente, Lá, por trás dos montes de rosa tingidos... Vejo o mundo que ante mim s' estende ...