quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

VIVO SONHANDO

Sonho no caminho do tempo.
Passa a vida, gerações...
Vivo, sonho cada momento
Os meus desejos e acções.

Hoje sonhei com grande ardor,
Como borboleta dançando,
Que voava de flor em flor,
Vivia, folgava... amando.

Em qualquer tempo e espaço,
Do amor, nada se ensina.
Aprende-se dand'um abraço
E um beijo: É nossa sina!

Sonh'um horizonte distante,
Sou íntimo com as estrelas...
Na vastidão ando errante,
Alegre! Mas triste sem elas.

Vivo em busca do amor...
E a vida passa por mim!
Vou procurando melhor:
Sonho, amo... até ao fim!

Modesto Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário

ORIENTA-ME, ESTRELA DA MANHÃ !

Eu te procuro, doce estrela a manhã Que no lusco-fusco d' aurora 'stá desperta, Por vezes, no meio de nuvens c...